quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Traumas & Trambiques #01

Oi, gente! Essa é a Alice:

Alice foi a primeira personagem que criei na vida, em 1994/95 (esse foi, justamente, o primeiro desenho que fiz dela). Por muitos anos, ela não só estampou as capas de meus cadernos escolares (e também os cadernos de alguns dos meus colegas), como também viveu um monte de histórias sem-pé-nem-cabeça com seus amigos Punkinho, Júlio, Jurema e a Turminha do Céu (Dona Lua, que sofria de 'efeito-sanfona'; uma estrela que não tinha nome, mas tocava castanholas; Solzinho; Dona Nuvem; Íris, o arco-íris que eu nunca defini muito bem se era macho ou fêmea e muito outros).

Há poucos dias atrás, quando resolvi organizar meu quarto e me preparar para a volta às aulas, encontrei um monte desses desenhos antigos. Muito antigos.
Esse aqui, por exemplo, é de 1995 (e diz muita coisa):

Criei vários personagens assim, que duravam um desenho, ou viviam uma só situação, uma só tirinha...

... e, nem sempre, faziam sentido.

Eu fazia, também, alguns trabalhos escolares em quadrinhos de umas 5 páginas, como esses, de Biologia e História:

O que eu achei mais legal foi ver que o primeiro trabalho valia dois pontos e, o segundo, valia dois e meio. Nessa época, além de ir à escola, eu estudava teclado, canto, ballet clássico, inglês, ensaiava com o coral do colégio e vivia um outro amor não-correspondido:

Taylor Hanson

O que eu quero dizer (além de estar me gabando) é que, no pouco tempo livre que eu tinha para viver, eu aproveitava para fazer meus trabalhos de escola do jeito que eu mais gostava. Podia até me tomar um tempão (sempre desenhei muito devagar), mas eu fazia por mim, fazia porque gostava. Pouco me importava se valiam só dois pontos.

Esta história ganhou um concurso, em 1998

Bom, vou aproveitar que estou compartilhando lembranças com vocês para avisar que começa, agora, uma nova série no site: Traumas & Trambiques! São quadrinhos rápidos e simplesinhos que mostram momentos grandiosos e comoventes que aconteceram em minha vida, como este, de 1994:


Los Pantozelos está de volta, com força total! Amanhã tem Maricas e um pouco de nudez, não percam!

8 comentários:

Cátia Ana disse...

Nossa, até seus desenhos antigos são fofíssimos. Que bom que Los pantozelos está voltando, é um colírio para os olhos. :D

Abs,

Cátia

Júlia M. disse...

De volta, oba!

Eu tb sempre fui assim... minha mãe guarda todos os meus desenhos e historinhas da infância. Mas não tenho coragem de mostrar!

Silvio Feitosa disse...

Olá, tudo bem?
Adorei seus quadrinhos antigos, muito legal ver como seus desenhos evoluiram.
Na espera pelos proximos =D

Johnny Brito disse...

Huahahua quanta coisa linda aqui, Tchuuuu! Adorei!
Ah...em 1990 eu tbm rolei a escada inteira ahuahua! Ai minha mãe ouviu o barulho e veio correndo desesperada e histerica pra sala (onde a escada dava haha). Eu levantei, limpei minha roupa e disse "Caí." Fim. hauah

Bjaaaao tchuzinha! s2

Lu Cafaggi disse...

Cátia, muito obrigada! Eu mostro seu blog para todo mundo, todo mundo acha a coisa mais fofa do mundo.

Julia, que bonitinha! Acho engraçado ver desenhos antigos, reler aquelas redações de colégio... A gente pensava as coisas mais estranhas e sem nexo, na infância. Fiquei curiosa para ver seus desenhos!

Silvio, obrigada! Também acho ótimo ver que eles evoluíram, haha.

Johnny, hahaha! Coitado! Eu imaginei você rolando (que cruel: 'eu imaginei você rolando') com aquela roupinha daquelas fotos que tem de você pequeno no orkut, sabe? Beijão.

Luciana disse...

LUUUUUUUUUUUUUUU.. ameeiiiii!!! hahaha o melhor eh sua prf escrevendo "vc eh uma artista" hahaha
eh um talento desde pequenininha!

se vc visse desenhos meus dessa epoca, ia se surpreender hahahahah:p

Guto Respi disse...

este post ficou show! e esta da escada fechando, dobrei de rir. quem não passou por isto? eu, ainda dormindo pela manhã, já cai em um bueiro (não comente com ninguem).
Abs

Elânia disse...

Jordan? rsrs Vai ter show!!

Lindo trabalho!!